Cabaz de Natal

A cadela que a Mãe resgatou na praia em Dezembro ainda não tem os quatro meses feitos e já nos dá pelos joelhos. Arrasta os gatos pelo pescoço e eles deixam. Lambe a boca do outro cão quando ele chega molhado de água ou com farinha da ração e ele deixa. Está sempre às turras à cortina da porta para tentar deitar-se na pedra da soleira. Não há vaso, chinelo, roupa ou pá do lixo que lhe resista. Lança-nos uns olhares espertos e meio loucos que só provocam gargalhadas. Abana a cauda como se fosse um chicote. É desajeitada, atabalhoada e ainda não consegue coordenar muito bem todas as partes do corpo. Come às pressas tudo o que lhe pusermos à frente e rosna a quem se aproximar. E é meiga, meiga.

A cadela que a Mãe resgatou na praia em Dezembro era uma de sete irmãos.
the x marks the day: ,
publicado por outrosdias às 13:56
link do post