A leishmaniose, o ser-peludo-que-vive-connosco e eu #4

O ser-peludo-que-vive-connosco, que tem leishmaniose, coitadinho, que tem de comer uma ração xpto por causa da função renal, coitadinho, que me fez gastar uma pipa de massa com o milteforan porque me custava deixá-lo morrer sem tentar nada, coitadinho, que todos os dias engole um comprimido de manhã e outro à noite, coitadinho, que tem duas bolas para brincar mesmo como ele gosta, coitadinho, que merece longos períodos de corridas e saltos connosco, coitadinho, que nos assusta ao mínimo ganido, coitadinho, vingou-se de ter ficado sozinho em casa no sábado à tarde indo à corda da roupa, arrancando um lençol da linha, estraçalhando-o todo e, pelo caminho, comendo uma das molas.

Mas que grande CÃO!!, coitadinho.

the x marks the day: ,
publicado por outrosdias às 18:32
link do post | ver comentários (2)